Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

a world in a grain of sand

um mundo num grão de areia

a world in a grain of sand

Natureza Morta

Sofia
19
Set20

Still Life with Bottle, Carafe, Bread, and Wine - Claude Monet

 Still Life with Bottle, Carafe, Bread, and Wine, Claude Monet

(imagem: National Gallery of Art)

 

 

Natureza Morta

 

No balcão está pousado um copo vazio

por onde escorreu uma gota de vinho

que deixou um pequeno rasto rubi.

Dois palmos para a esquerda,

encontramos um caderno fechado

e, ao lado, uma caneta com a tampa roída.

O balcão não tem já vida.

O bar já fechou e a luz que o ilumina

vem de um candeeiro do exterior.

Quase não há cor e os olhos esforçam-se

para ver melhor esta natureza morta.

Este é um palco onde todos os dias

homens e mulheres levam à cena

partes de uma gigantesca peça.

É este o palco onde nos escondemos

em representações de miúdos

quando já somos graúdos.

Cansamos a vida com cafeína

e algum álcool à mistura

porque a vida nos cansa.

O palco está sem vida,

agora que anoiteceu.

Lá fora, há uma avenida,

um carro que passa,

e está escuro como breu.

 

Ana Sofia Alves

18 de Setembro de 2020

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Sofia 22.09.2020

    Agradeço a passagem e o comentário. Fico feliz que o meu poema tenha permitido chegar a estas palavras, uma visão diferente do quadro e que me agradou.
    Acho que existem vários palcos e que vamos passando por eles umas vezes de forma mais intencional e consciente do que outras. E, como em tudo nesta vida, uns palcos são também mais agradáveis que outros.
    Gosto também de mergulhar nas palavras e deixá-las depois, temporariamente, a um canto. Uma vez sinto-as um refúgio, outras um tormento, porque as palavras, realmente, podem fazer-nos sentir imenso...
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.