Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

a world in a grain of sand

um mundo num grão de areia

a world in a grain of sand

Uma aventura pela comida indiana

Sofia
28
Nov20

Ontem encomendámos comida indiana para o jantar. Como não estávamos muito virados para a cozinha e precisávamos de algo quentinho e reconfortante, optámos por dar a nossa ajuda a um dos restaurantes de que gostamos muito.

Uma vez em que lá fomos comemos um prato que adorámos, mas nunca nos lembramos do seu nome e, em vez de perdermos tempo a pesquisar (se calhar é o que as pessoas mais normais fazem), temo-nos divertido com tiros no escuro. Ontem foi o segundo tiro no escuro ao tentarmos acertar no prato que comemos em tempos. Da primeira vez que tentámos encomendar esse prato acabámos por descobrir o Tandoori Chicken. Nunca o tínhamos comido e foi uma agradável surpresa. O mais provável é que nunca o fossemos escolher no meio de tantas opções, por isso ainda bem que andávamos a tentar descobrir o outro prato. Ontem foi também uma boa descoberta: Chicken Biryani. De facto, foi um prato super reconfortante para uma noite fria.

Por momentos, pensámos que a encomenda não ia chegar. Primeiro, o restaurante estava um pouco demorado. Depois, quando o nosso pedido já tinha um estafeta associado, vimos que o estafeta tinha no seu perfil a nota de que o seu prato favorito era Chicken Biryani. Olha lá, esta senhor tem como comida favorita aquilo que encomendámos. Será que a comida vai chegar? Como houve uma demora pouco habitual, o estafeta desistiu e apareceu um novo que tinha no seu perfil a nota de que a sua comida favorita era comida indiana. Mesmo com os percalços e o medo de que o jantar desaparecesse no caminho (brincadeira, claro), o Chicken Biryani com o maravilhoso Naan chegaram. O estafeta pediu-nos desculpa pela demora e explicou-nos, enquanto fazia um ar feliz, que o restaurante estava com muitos pedidos. Ainda bem! Infelizmente estamos a viver uma crise que parece ter vindo para ficar e piorar. É bom saber que mais pessoas continuam a ir comer a restaurantes ou a encomendar.

De alguma forma temos de conseguir que as coisas funcionem. Não podemos despreocupar-nos, mas não podemos parar tudo. Esta é uma luta colectiva em que cada um individualmente pode ajudar os outros de algum modo. Talvez por isso seja também tão complicado... Quem nunca viu ou teve de jogar com um fussangueiro na equipa? Aqui os fussos podem estar nos dois lados. Preocupa-me e entristece-me quando vejo pessoas umas contra as outras e o extremismo a tirar o lugar ao bom senso, umas vezes talvez por medo, outras por egoísmo, outras por maldade...

Para quem é da linha de Sintra, o restaurante de que falei é o Namastey India, em Massamá. Já lá fui algumas vezes e também já tinha encomendado de lá mais vezes. Os funcionários são bastante simpáticos e a comida muito saborosa. Nunca me desiludiu. Com as alterações que tiveram de ser tomadas por causa da pandemia, não sei como é que o restaurante estará fisicamente, mas a comida recomenda-se. 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Sofia 19.12.2020

    É uma boa ideia! :) Lembrei-me de um restaurante nepalês de que gosto muito. Fui lá um dia por acaso e foi um acaso feliz. Ainda não ganhei coragem para voltar a ir a restaurantes e tenho-me ficado pelas encomendas, embora não seja a mesma coisa.
    Um Feliz Natal com muita Saúde e Paz e um próspero 2021!
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.